skip to Main Content
Como gerir uma equipe remota?

Como gerir uma equipe remota?

Com a pandemia, muitas empresas se viram obrigadas a mudar para o plano remoto de trabalho. Outras, com as oportunidades de transformação digital optaram por fazer o mesmo, visando uma maior produtividade, redução de custos operacionais e flexibilidade de trabalho.

Essas duas situações não são as únicas que fizeram com que tantas empresas mudassem. A carência por profissionais da mesma região também é um dos motivos, fazendo com que muitos gestores de RH e gestores de setor procurem profissionais fora da cidade matriz da organização.

Para os líderes, nesse momento é preciso vencer os principais desafios da gestão remota. A gestão à distância se relaciona muito com o grau de engajamento da equipe e, neste sentido, o ideal é manter uma boa comunicação para que funcione.

Um dos principais problemas que identificamos na gestão remota são:

  • Ruídos na comunicação: só quem tem problemas com mensagens e áudios por whatsapp vai entender. O gestor tem um desafio gigante em ter que se comunicar e ser entendido da forma correta por aplicativos ou reunião via teleconferência.
  • Isolamento social: por ficar muito tempo sozinhos, as pessoas acabam tendo necessidades muito específicas e isso pode afetar muito a saúde mental.
  • Falta de rotina: trabalhar no mesmo lugar pode dificultar a separação da vida pessoal e profissional. Para muitos, é difícil estabelecer limites e isso pode atrapalhar o dia a dia no trabalho.
  • Falta de estrutura adequada: se as empresas não fornecerem os materiais de trabalho adequado e a pessoa não tiver uma boa internet ou móveis que auxiliam no trabalho, o rendimento pode ser prejudicado. Ergonomia e espaço reservado somente para o trabalho é o desafio de muitos.
  • Problemas com a família: home office com crianças, por exemplo, não é uma tarefa fácil. Muitos adultos também não entendem essa relação entre trabalho e casa. Estar presente não significa estar desocupado, muito pelo contrário.

Com tantos problemas variados, qual é a melhor maneira de manter uma equipe engajada e um gestor satisfeito com as entregas junto a empresa?

Embora um dos muitos desafios do trabalho remoto seja o isolamento, isso não significa que essa característica não possa mudar. Separamos algumas sugestões interessantes para que você possa observar e, quem sabe, implementar na sua empresa:

  • Reuniões mais interessantes: assim como conversas aleatórias que surgem no dia a dia presencial, é possível promover esse diálogo entre os colaboradores. O gestor pode inclusive sugerir temas a serem discutidos, falando sobre o cotidiano, o que estão passando e compartilhar experiências. O assunto é jogado na roda, como, por exemplo, receitas que aprendeu nesse tempo em casa.
  • Coffes e Happys virtuais: não é porque estamos em casa que as pessoas não podem confraternizar e comemorar. Os funcionários são incentivados a passar algumas horas por semana atendendo a essas chamadas com o objetivo de Criar um ambiente mais confortável e acolhedor. Os membros da equipe podem fazer uma pausa e conversar entre si para descontrair e finalizar o dia de uma forma mais leve.
  • Inovação e entretenimento: assim como as mesas de sinuca e jogos presenciais, podemos pensar em jogos online que façam os membros da equipe se comunicarem entre si e relaxarem pós expediente ou nas pausas.
  • Melhora na comunicação: o desconforto acontece e é normal. Mas para evitar as repetições, é fundamental que haja feedbacks e troca de informações entre os times com recorrência, para manter o alinhamento.
  • Boas ferramentas de tecnologia: invista em boas ferramentas para realização das atividades, compartilhamento e armazenamento de arquivos. Sistemas, aplicações, softwares e bons equipamentos. Esses recursos ajudam no gerenciamento das equipes para delegar tarefas, acompanhar o trabalho, dar feedbacks, acessar arquivos, compartilhar documentos, centralizar a comunicação e etc.
  • Apoio para lidar com os desafios: seja humano. Todo mundo tem problemas! Com essa flexibilidade de trabalho, se a comunicação também não for flexível, as coisas se tornam pesadas e desmotivam o colaborador. Por isso, entenda as dificuldades de cada um, assim, é possível garantir que não terão problemas para fazer seu trabalho.

Para auxiliar, como gestor, você tem inúmeras possibilidades. Comece alinhando as expectativas e faça reuniões para acompanhar o desenvolvimento das atividades, expor os problemas, encontrar soluções e alinhar o que foi combinado.

Alguns gestores acabam cometendo erros que poderiam ser evitados, como metas impossíveis, falta de feedbacks ou má gestão do tempo, por exemplo.

Seja transparente com o colaborador. A transparência tem a ver com a comunicação e a colaboração. Inclusive se os membros da equipe não trabalham no mesmo local e perdem um pouco a referência do todo dos projetos nos quais fazem parte, é muito importante que todos sejam completamente honestos.

Mais do que buscar culpados por um problema, este é o segredo para que uma equipe funcione bem enquanto time, em prol dos objetivos coletivos. Enquanto líder responsável pela gestão de equipes remotas, você sempre deve incentivar a prática do diálogo e da transparência.

Gostou dessas dicas? Fez sentido para o seu trabalho como gestor com uma equipe remota? Conte para nós!

O RHGestor é uma plataforma completa para Gestão de Pessoas que organiza e automatiza os processos de RH. Aproveite todo o seu potencial criativo do seu RH.

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top