skip to Main Content

O que não pode faltar em uma Descrição de cargos

Para entender o que não pode faltar em uma descrição de cargos, primeiramente precisamos entender como ela funciona. A descrição de cargos é uma ferramenta fundamental para os sistemas de Recursos Humanos e Gestão de Pessoas. Esta ferramenta tem como objetivo descrever as vagas disponíveis nas empresas, com base no que se espera em relação a funções, responsabilidades, competências e habilidades do colaborador que venha a ser contratado. 

As melhores descrições de cargo devem ser bem detalhadas e ao mesmo tempo objetivas. A ideia é atrair os candidatos adequados, reduzindo o tempo necessário para o processo de seleção. O mais importante da descrição é o como, quando e para quem o colaborador deve exercer as suas funções.

Na descrição de cargos, o RH tem a chance de comunicar para o candidato as vantagens de se trabalhar na empresa, e de expor um pouco da cultura e dos valores organizacionais. Sendo assim, a descrição não deve ser uma lista genérica, mas sim específica para cada cargo, segundo o perfil da organização. É importante também que ela acompanhe os avanços tecnológicos e as mudanças de mercado. 

Funções da Descrição de cargos 

A principal função da descrição de cargos é atrair os melhores talentos, descrevendo tudo que se espera de uma vaga, isso aumenta as chances de reter os candidatos ideais. O funcionário deve ser muito bem informado sobre as expectativas da empresa, e o que se espera do seu trabalho. 

Após o processo de recrutamento através da descrição de cargos, essa ferramenta serve como forma de medir o desempenho do colaborador e de organizar o planejamento de carreira. A partir disso, é possível identificar se as metas estão sendo cumpridas, se as expectativas estão sendo supridas e se os objetivos estão alinhados. 

Além das funções de descrever os cargos visando recrutar o candidato ideal para determinadas vagas, a descrição de cargos também possui uma função burocrática. Essa função procura alinhar as expectativas entre empresa e funcionário, para definir políticas salariais, evitar desvios de funções, desentendimento e até possíveis processos trabalhistas.

A descrição possui uma função de visar o progresso da empresa, direcionando também:

  • treinamentos;
  • programas de seleção de pessoal por competência;
  • gestão de desenvolvimento;
  • plano de promoções;
  • gestão de cargos e salários;
  • recrutamento e seleção de pessoas;
  • diagnóstico organizacional;
  • estruturamento de funções;
  • problemas de atração e retenção de pessoas. 

O conhecimento sobre gestão de pessoas também pode ajudar na hora de realizar uma descrição de cargos. Assim como a descrição de cargos exige um conhecimento sobre o perfil da empresa e qual o tipo de colaborador que ele procura para cada cargo, a gestão de pessoas se ocupa de promover o bom desenvolvimento desses colaboradores, gerando assim essa conexão entre os setores. Saiba mais sobre gestão de pessoas clicando aqui. 

Como elaborar uma Descrição de cargos

Na hora de elaborar uma descrição de cargos existem alguns passos que podem ser seguidos e que facilitarão o sucesso desse processo. Em primeiro lugar é essencial identificar os cargos em sua organização. 

Em seguida defina as competências necessárias para o cargo, importante ressaltar que em relação a competências elas podem ser hard skills (como o domínio de programas, Excel, por exemplo), ou podem ser soft skills (habilidade de se comunicar e trabalhar em equipe). 

Assim, um passo importante é envolver o ocupante da vaga e o gestor na hora da descrição, pois são quem realmente entendem e conhecem as funções e são capazes de validar a descrição. 

Organizar os dados de maneira concisa é imprescindível, para essa organização são utilizadas geralmente as seguintes metodologias: 

 

Dica da RHGestor: clique aqui e baixe sua Planilha de Descrição de Cargos

Informações que devem contem na Descrição

Sabendo como elaborar uma descrição de cargos, de maneira prática é interessante saber as informações básicas e indispensáveis que devem fazer parte da descrição. O formato deve incluir o título do cargo, um resumo das atividades que serão desempenhadas e as principais responsabilidades da vaga. São os requisitos feitos de maneira clara, breve e objetiva. 

É importante tomar bastante cuidado na elaboração da descrição, para não utilizar títulos incoerentes e nem exigir mais do candidato do que o cargo necessita. A intenção da descrição é atrair de maneira realista candidatos que se encaixam com a vaga, e não prometer ou exigir coisas que não são essenciais. 

RH Estratégico: criando um plano de cargos

Que tal assistir um webinário que mostra o passo-a-passo (mesmo!) para construir do zero o seu Plano de Cargos. Assista!

Conclusão

Neste artigo você aprendeu um pouco mais sobre descrição de cargos e os benefícios que ela pode trazer para sua empresa. 

Na RHGestor, você encontra um sistema que te ajuda a desenvolver processos mais eficientes e automatizados, ferramentas para desenvolvimento humano e indicadores para apoio à tomada de decisão. 

Para ficar por dentro de outros conteúdos, assine a nossa newsletter clicando aqui

Este artigo tem 0 comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top